O OBOÉ, A PALHETA E O OBOÍSTA

Autores

  • Adriana Castanheira Conservatório Regional de Música de Vila Real
  • Maria Helena Rodrigues onservatório Regional de Música de Vila Real
  • João Bartolomeu Rodrigues Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro

Palavras-chave:

Oboé, palhetas, amarragem, raspagem

Resumo

O presente Workshop tem por objetivo a divulgação do oboé e o incentivo ao estudo, por meio da criação de um ambiente de cooperação entre professores, profissionais e alunos. Esta apresentação irá apresentar-se com uma parte teórica e uma parte prática. A metodologia usada nesta intervenção passará pelos seguintes momentos: i) iniciaremos com uma breve caraterização do instrumento, dando a conhecer de forma sumária a sua origem, história, família; características; técnica ii) será apresentada uma breve demonstração do processo que leva ao fabrico das palhetas, a amarragem e a raspagem da cana; iii) num terceiro momento será realizada a parte prática, na qual duas alunas (do 1º e 5º graus do Ensino Básico do Conservatório Regional de Música de Vila Real da classe da professora Adriana Castanheira) irão interpretar duas peças, com um grau de dificuldade diferenciada, em ordem a mostrar que o tão famigerado, quão desconhecido instrumento, pese embora a dificuldade de o tocar, pode ser tocado por todos: a singularidade do instrumento que serve de diapasão às orquestras, bem merece esta apologia.

Biografia Autor

Maria Helena Rodrigues, onservatório Regional de Música de Vila Real



Downloads

Publicado

2020-03-30