CRIAÇÃO – ARTE, ELOGIO DA DESOBEDIÊNCIA

Conteúdo Principal do Artigo

Ângela Cardoso
António Costa Valente

Palavras Chave

desobediência civil, arte, ato de resistência

Resumo

O ato de criação como ato de resistência, insere-se neste Simpósio numa reflexão sobre duas premissas fundamentais: A primeira revela a experiência do momento em que o professor deixou de ser o repositório do conhecimento, se questiona sobre o constante e discordante «novo» que cada um dos seus alunos traz na sua génese de criador e consequentemente a cumplicidade para com essa desobediência transformadora; A segunda, revela a consciência de que o Ato de Criação se inscreve numa rutura constante que permite o questionamento, também constante do professor, do aluno, do sistema, do conhecimento construído. Fundamentando a partir de conceitos de ordem filosófica, a ideia de Arte e Ativismo é aqui reiterada pela prática artística contemporânea e pelo testemunho dos relatórios da Unesco (20152016) sobre a violação dos direitos à livre expressão da Arte e da Cultura

Resumo 30 | PDF Downloads 39
Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.