PRÁTICAS DE ENSINO DE MÚSICA NO CONTEXTO PRISIONAL: Análise comparativa de estudos de caso

Conteúdo Principal do Artigo

Felipe Gabriel Motin
Levi Leonido Fernandes da Silva

Palavras Chave

educação musical, inserção social, contexto prisional

Resumo

A presente pesquisa pretende compreender o impacto das práticas de educação musical e sua relação com os aspetos intrínsecos e periféricos ao sistema prisional, por meio da análise comparativa de três estudos de casos já realizados por outros autores. Inicialmente, discute-se conceitos que permeiam a educação musical e projetos sociais no Brasil; também, apresenta-se dados referentes ao desenvolvimento de pesquisas em educação no meio prisional, objetivando introduzir e complementar este estudo. A metodologia utilizada trata-se de uma pesquisa bibliográfica, que abrange duas pesquisas e um projeto realizados em três unidades penais nos estados: Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte e Paraná. Após breve exposição dos estudos, analisa-se tópicos que abrangem: o cenário, objetivos, caminhos metodológicos e resultados alcançados. Comparando e discutindo os pontos em comuns, contrários e as características em maior evidência, pretende-se tecer um panorama dos projetos e pesquisas em educação musical em unidades penais no Brasil.

Resumo 133 | PDF Downloads 119
Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.